Pintura a óleo

Pintura à óleo

.
Meu pai, um cabra Nordestino
Minha mãe nasceu em Perdões
Quis um dia brincar o destino
E o cupido uniu seus corações
Dos onze filhos que tiveram
Sou o quarto de muitos serões
.
Antes mesmo que eu nascesse
E agora tenho que ser honesto
A minha mãe já pintava o sete
Com o pincel do senhor Ernesto
Faltou verde para cor dos olhos
E com castanho pintou o resto
.
Carrego sempre o nome do pai
Com orgulho no sobrenome
De minha mãe o sangue branco
Que nos seios matou a fome
Reverencio minha mãe e meu pai
Só em versos porque a voz…
                                  …a voz some
.
Autor: Sandro Ernesto 22/04/2013

Você pode gostar...

17 Resultados

  1. outro dia fiz um post com os meus olhos, mais por acaso que por intenção, mas alguns comentários repousaram no “refletem a alma”. eu sempre tive na palavra a expressão da minha alma, e às vezes o próprio silêncio. meus olhos são apenas reflexos, a palavra é um alicerce profundo que como uma raiz se espalha pelo mundo. sentimentos como os teus, são palavras escritas e palavras ditas sempre, meu querido amigo, eis que são pura alma. feliz por ler teu poema, e poder sentir saudade dos meus pais e em silêncio dizer muito a eles. um grande abraço.

    • panografias disse:

      Meu querido e amado amigo… as tuas palavras me levam a comoção. Acredito que a saudade tem o poder desta conexão e as tuas palavras ditas em silêncio, são ouvidas por eles com gratidão e alegria pelas lembranças carinhosas. Pela idade que avança, procuro neste momento dedicar mais meu tempo à eles, meus pais e às vezes uma poesia como agradecimento. Obrigado pelo comentário carinhoso… um grande abraço e tenha um fim de semana abençoado!

  2. jorgesapia disse:

    Que bonito Sandro.

    • panografias disse:

      Obrigado meu caro amigo… fico feliz em saber que gostou desta homenagem ao meus pais! Tenha um final de semana abençoado… um grande abraço!

  3. JCDattoli disse:

    Uma beleza, Sandro. Parabéns!!!

  4. ANAANA disse:

    Encantador……e singelo…..parabéns!

Seu comentário é sempre bem-vindo, Amigo... obrigado !

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: