Você, na minha vida

 .

.

Oh meu amor

Vem cá me dê um abraço

Já não faz mais sentido

Ficar longe de você

Peço perdão

Por tudo que não fiz

Já não somos os mesmos

Mesmo assim eu sou feliz

Por ter você na minha vida

 .

Oh vida minha

O amor não é acaso

Tudo é mais colorido

Construído com você

Meu coração

Ao seu criou o laço

Minh’alma se encanta

Enquanto eu conto

Com você na minha vida

Hoje eu sei que não podemos perder tempo

Só a dádiva  do amor faz tudo ser atemporal

Mas sei que o destino é escrita ao vento

Mas invento escrever nosso destino no metal

Talvez …   Esta aliança seja a chave

Transcendental espaçonave

Viaja só  eu e você

Letra e Música : Sandro Ernesto

Você pode gostar...

19 Resultados

  1. "Só a dádiva do amor faz tudo ser atemporal
    Mas sei que o destino é escrita ao vento"

    E viva o poeta apaixonado.

  2. Obrigado minha querida amiga ! E viva os apaixonados… abraços !

  3. É o amor…., que mexe com minha cabeça e me deixa assim… Na toada de Leandro e Leonardo. Maneiro.

  4. E viva o amor amor Marcos Satoru… obrigado ! Um abração

  5. Isa Lisboa disse:

    🙂 O amor nunca é acaso!

  6. Com certeza não Isa… no máximo há casos kkkkkkkkkkkkk abraços !

  7. Regina Lopes disse:

    Olá amigo Sandro parabèns pelo seu poema em forma de canção, ou sua canção em forma de poema
    Sò dádiva nos faz ser tudo, mas o destino ao vento.

  8. Obrigado pela visita e comentário Regina… um forte abraço !

  9. Valdemir disse:

    Sandro! Vontade de não parar de ouvir! Arte Pura! Pura Arte! PRIVILÉGIO TE CONHECER E SUA OBRA! Obrigado.

    • panografias disse:

      Obrigado pelo comentário generoso Valdemir… a música é uma brincadeira de que mais gosto ( peço desculpas aos ouvidos mais apurados kkkkkkk ). Fico feliz que tenha gostado meu amigo. Um forte abraço !

  10. Linda poesia, Sandrão! A música tem uma levada super bacana com essa gaita acompanhando todo o andamento. Curti pacas de sua brincadeira levada a sério!! Só falta musicar um poema meu, nunca te pedi nada, haha! Abração! Sou teu fã, cara. Só precisa se dedicar mais ao canto, hahaa

    • panografias disse:

      kkkkkk Seu comentário me deixou feliz por demais da conta meu amigo kkkkk ! Então Anderson… no início eu gravava só para não esquecer a melodia, letra, não tinha muitos recursos ( a ideia era deixar registrado para posteriormente gravar ). Mas até na brincadeira descobri que tinha que levar a sério kkkkk, e realmente preciso me dedicar ao canto ( os ouvidos apurados que o diga ). Quanto o musicar um poema seu, quem sabe ?!! Pode levar um tempo, pois, o fator inspiração conta muito. Eu conheço a força de suas poesias e o talento refinado nas palavras, e sou apenas mais um dos muitos fãs que conquistou. Deixo aqui um beijo no seu coração ! Abraços e obrigado pela generosidade do comentário !

    • Sandro Panografia disse:

      Promessa é ” De Vida ” e não dívida rsrsrs https://panografias.com.br/teu-corpo-mar/

  11. Lu Amorim disse:

    ♩♥◕‿◕♥ ♪
    E cheguei até o teu poema meu ‘Chão de Estrelas”… nesta ronda que vou fazendo por este vale encantado de poesia.
    Como está bonito a tua dádiva do amor. De uma musicalidade deliciosa… flutuante!
    O Amor cobre uma multidão de pecados.
    Beijo de chocolate e noite carregadinha de inspiração pra ti.

    • panografias disse:

      Obrigado pela ronda e comentário achocolatado minha querida amiga… é sempre bem-vinda e enche-me de alegria sempre! Tenha uma noite abençoada… beijo no coração !

  12. Rita Cidreira disse:

    Oi, Sandro!
    Que lindo, uma maravilha!
    Você é o Expresso do talento.
    Grande Abraço.

    • panografias disse:

      Rita, minha querida amiga… seu comentário deixou meu dia mais feliz. É bom saber que gostou (apesar de ser uma gravação caseira). Vou aceitar o termo “Expresso do talento” como um mimo que guardarei carinhosamente no coração, mas acho que não estou com esta bola toda não kkkkkkkkkkkkk. Que seu fim de semana seja abençoado e feliz. Beijo no coração!

  13. José Luiz Foureaux de Souza Júnior disse:

    É… não tem jeito… o wordpress impediu definitivamente as minhas curtidas no seu blogue… e eu nem sei como e porque… Boa Pás coa

Deixe uma resposta para Valdemir Cancelar resposta

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: