Caminho

Caminho - Ricardo Melo
.
É de ferro este trilho
É de farra minha trilha
Me equilibro no caminho
Tenho linhagem afrodisíaca
E o amor é meu estribilho
Nos cruzamentos desta vida
Paro, olho, escuto as cores
Registro em fotografia
.
Namoradeira na janela
Já nela vejo esperança
Seguindo aquele trem
Até aonde o olhar alcança
Não espero, sigo, enfrento
Prossigo nas minhas andanças
Sempre há nova estação
Sempre há uma nova dança
.
Deixo o fardo neste trilho
Não durmo neste dormente
Minha pousada é um coração
Onde a amizade está presente
Me despedaço mas despeço
Meu descanso está na mente
Meu caminho é o interior
E o futuro é logo a frente
.
Letra e música: Sandro Ernesto
( Desafio da fotografia ” Caminho ” por Ricardo Melo )

Você pode gostar...

Seu comentário é sempre bem-vindo, Amigo... obrigado !

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: